• b-facebook
  • Twitter Round
  • Instagram Black Round

© 2016 por Ateliê Digital Faz-Tudo para Diabética Tipo Ruim.  

Todos os direitos reservados. O conteúdo deste site não pode ser copiado e é protegido por lei.

Sujeito a penalidades criminais.

Please reload

PROCURE POR TAGS: 

Please reload

POSTS RECENTES: 

SIGA

  • Facebook Clean Grey
  • Twitter Clean Grey
  • Instagram Clean Grey

Sobre o direito de sofrer:

20.12.2015

 

A gente nem tem o direto de sofrer. Nem isso. Ou melhor, “mais” isso é tirado de mim.

As pessoas se magoam, brigam, discutem e tudo bem. Dorme que passa. Mas a gente, Ahhh, com a gente não.

A cada discussão e sofrimento a glicose aumenta. Vc sente o seu coração ficando tão acelerado que vc mal consegue acompanhar tamanha arritmia. Depois vem os músculos, q entram num ritmo frenético de dor, espasmos e tremedeiras sem fim. Um nó na garganta, olhos inchados, a voz que não sai, o nariz que não cumpre mais o seu papel de respirar. E como falta o ar....nossa, como ele faz falta. E são apenas nesses momentos q vc valoriza tanto cada suspiro, cada pouquinho de ar consegue ser levado para os seus pulmões pela sua boca, que já está, nessa altura do campeonato, inchada.

Mas o pior disso não são só as alterações físicas que uma discussão é capaz de causar no seu corpo. O que me causa maior desconforto é saber que tudo isso fatalmente vai acontecer e você não ter o menor controle ou poder de fazer tudo parar. E é nessa hora que eu penso que tudo gira em torno da importância que vc dá...e as vezes é tudo uma questão de não fazer mais questão. Acalmar o coração e tentar ficar em paz.

Compartilhei dia desses a história do sapo, lembra? Alguém postou isso no facebook e eu nem sei se é verdade ou não. Dizem por ai que se vc colocar um sapo dentro de uma panela com agua, e ligar o fogo, ele não vai se desesperar. Ele vai se adaptar. E quanto mais a agua esquentar, mais ele vai se adaptar para aquele ambiente. Quando a agua ferver, ele já não terá mais chances de se salvar. E é só nessa hora q ele vai pensar em pular pra fora da panela, mas ele já gastou tanta energia se adaptando, que não restou mais nada para q ele pudesse pular pra fora da panela e voltasse pra vida.

A gente sabe que todo esse stress sentimental causa estragos grandiosos no nosso sistema diabético de merda, que as vezes eu chamo de “corpo”. Ânsia de vomito, mal estar, tremedeira, dores de cabeça e muscular, sem contar a glicose que sobe por livre e espontânea vontade só pra te provar que é ela quem comanda a bagaça toda.

E é aí que eu te falo meu amigo. A gente não tem o direito de comer o que quer, não tem o direito de viver sem dores, sem privações, sem furadas e agulhadas, sem regras, sem monitoramento..........e nem a porra do direito de sofrer, em paz, como uma pessoa normal, nem essa merda de direito a gente tem. É muito doido isso!

Dai eu aposto muito alto que vc está lendo esse texto e se identificando em cada linha. Desejando compartilhar esse texto ou marcar alguém para q a pessoa leia, e a sua esperança é a de que alguém entenda vc e a sua frustação com essa porra toda. Mas, sinto em informar, eles não entendem. E vão ler esse texto, vão colocar corações virtuais maravilhosos, mas no fundo, eles não conseguem entender, mesmo que eles queiram.

Se vc não eh um diabético e leu esse texto até aqui, vou te dar uma dica noturna totalmente gratuita: Se vc realmente se importa pense nisso e na próxima vez que rolar uma bosta qualquer, não sinta pena..não, não sinta, pq não precisamos disso vc pode ter absoluta certeza. A gente lida com essa bosta toda há anos e na moral, não eh de pena que a gente precisa.

E se vc é um diabético e leu esse texto até aqui, vou te dar uma dica noturna totalmente gratuita: não espere a água ferver.

Para quem acredita, todo erro traz uma nova oportunidade, para ambos os lados.

Please reload

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now